Todo miudo tem que ler e escrever

leitura_para_miudos_02

por: Nativo

Mesmo sendo importantes, as bibliotecas comunitárias são lugares cada vez mais raros nos bairros do Recife. Poucas realmente conseguem resistir às dificuldades, como no caso da Biblioteca do Coque. No entanto, ela é uma exceção, quando deveria ser regra. San Martin, por exemplo, que possui inúmeros espaços propícios para abrigar uma biblioteca, não tem nenhuma. Mesmo nas escolas, os poucos livros disponíveis em acervo ainda não são suficientes para atenderem a demanda.

No último dia 10 de setembro, a Comissão de Educação do Senado aprovou um projeto de lei que obriga todas as escolas públicas de ensino básico a criarem a manterem bibliotecas abertas para alunos e professores. Ou seja, a questão que envolve o estímulo à leitura ainda é muito limitada. Por que não oferecer essas bibliotecas a toda a comunidade onde as escolas estejam, mesmo que houvesse certo controle?

Políticas públicas nesse aspecto, como se vê, são muito deficientes, e, por enquanto, resta, por iniciativa da própria população, colocar uma biblioteca em seu bairro para que, pelo menos, a leitura possa fazer parte do cotidiano da comunidade.

Foto: Thiago é mais um dos miúdos assíduo nas manhãs de sábado no Projeto Leitura Para Miúdos Leitura.

Conheça o projeto: https://www.facebook.com/LeituraParaMiudos?fref=ts

Deixe uma mensagem